Dirigida a Fornecedores, Live do dia 22 traz o CEO da Effecti, plataforma especializada que reúne mais de 2 mil empresas, com soluções e dicas para ganhar licitações
 
 
A edição do CONEXÃO PORTAL da próxima semana, que será realizada no dia 22 às 10 horas, terá o foco nos Fornecedores do Governo, com dicas e orientações sobre as melhores ferramentas do mercado para Licitantes.
Acompanhando a Live do Portal, será possível descobrir onde encontrar essas ferramentas, quais são as mais recentes e também aprender sobre pontos fundamentais para os licitantes, como a automação de lances, a relação desta com fraudes em licitações e, ao mesmo tempo, as vantagens para o fornecedor quando a automação é devidamente utilizada. Entre elas eficiência, ganho operacional, redução de custos, fornecimento dentro da margem de equilíbrio, escala, profissionalização e economia de tempo.
O convidado do CEO do Portal, Leonardo Ladeira, para debater o tema é o CEO da Effecti, Fernando Salla. A Effecti é uma plataforma especializada em ferramentas para licitantes que fornecem para o Governo, atendendo atualmente mais de 2 mil empresas pelo país.
 
  • FERNADO SALLA – é co-fundador da Effecti, em 2013, junto com o sócio Everton Porath. 
Pós-graduado em Desenvolvimento Web e Graduado em Sistema de informação, tem a carreira focada no universo de soluções de tecnologia para órgãos públicos, mais especificamente na área de planejamento e contabilidade. 
Atuou como docente em instituições de ensino de cursos técnicos e de graduação, tendo sido coordenador do curso de Sistemas de Informação. Empresário e apaixonado pelo empreendedorismo, é focado no desenvolvimento de soluções que tragam maior eficiência e liberdade aos licitantes.
 
Salla também vai abordar na Live os reflexos da automação para o Governo. Segundo ele, há um melhor aproveitamento do orçamento, aquisição de bens e serviços de qualidade a preços mais baratos, maior interação com os fornecedores (pela economia na execução do processo e celeridade nas respostas), além de fornecedores cada vez mais profissionais e da ampliação dessa rede de empresários que atuam nas compras públicas.
A tendência e, ao mesmo tempo, o objetivo de plataformas desenvolvedoras de ferramentas de licitação é ver o Governo cada vez mais automatizado, aponta Salla. Ele cogita, ainda, que muitas funções do pregoeiro poderiam ser automatizadas, o que removeria grande parte da sobrecarga que esses funcionários recebem.
Confira!
 
 
LINK DE ACESSO: