Podcast do Portal traz dicas aos novos gestores e pregoeiros sobre quais as primeiras providências necessárias e o que evitar nas compras governamentais

O 15º episódio do COMPRAS PÚBLICAS NA PRÁTICA, o Podcast do Portal de Compras Públicas, trata dos desafios que os novos gestores e as equipes de compras das prefeituras municipais enfrentam na troca de governo – nesse mês em que mais de 5.500 novos prefeitos recém-eleitos tomaram posse em todo país, dois terços deles em primeiro mandato. 
O convidado desse episódio é o advogado e consultor TIAGO MARTINHUK, que tem mais de 12 anos de experiência na área de compras governamentais, já foi pregoeiro de prefeituras e consórcios intermunicipais e diretor de Suprimentos e Patrimônio no Município de São Bento do Sul, em Santa Catarina. 
 
O COMPRAS PÚBLICAS NA PRÁTICA é quinzenal e pode ser ouvido em cinco plataformas digitais – SOUNDCLOUD, SPOTIFY, CASTBOX, DEEZER E APPLE PODCASTS/iTUNES.
 
Tiago Martinhuk avalia as principais dificuldades que uma prefeitura enfrenta nesse momento de mudança de gestão e dá dicas preciosas sobre as providências iniciais que os pregoeiros e suas equipes precisam tomar na largada, além de alertar sobre medidas equivocadas que podem trazer sérias consequências. 
O que fazer e o que evitar num ano atípico como 2021, em que ainda será preciso enfrentar a pandemia do Covid-19, os gestores terão que obrigatoriamente migrar para o pregão eletrônico, por força do Decreto 10.024/2019, e ao mesmo tempo se preparar para uma nova legislação que passará a regular as compras e os contratos públicos no país. É o Projeto de Lei 4.253/2020, aprovado em dezembro pelo Senado e que só aguarda a sanção presidencial.
O Podcast ouve também o CEO do Portal, Leonardo Ladeira, que destaca a importância do planejamento nos processos de compras públicas e mostra como as ferramentas e soluções da plataforma chegam como um suporte qualificado para ajudar os novos gestores e suas equipes de compras nesse momento inicial. O Portal garante processos dentro das regras e exigências legais, segurança jurídica, inovação tecnológica, agilidade (a plataforma é 100% digital), economicidade e transparência sobre o uso do dinheiro público. Incluindo ainda a capacitação e treinamento das equipes e o acesso aos processos anteriores. 
 
Uma conversa bastante proveitosa num ano de muitas renovações simultâneas – dos prefeitos, das equipes de compras e também da legislação do setor. Acompanhe!
 
PARA OUVIR O EPISÓDIO ATUAL, CLIQUE NA PLATAFORMA DE SUA PREFERÊNCIA: